Jornal Visão | Jovem escalpelada em kart deve receber alta no fim de semana

Jovem escalpelada em kart deve receber alta no fim de semana

Por: Redação Jornal Visão

Segundo equipe médica, Débora Dantas ainda não retornará a Recife. Ela deve permanecer em Ribeirão Preto para procedimentos com curativos

A jovem pernambucana que teve parte do rosto e da cabeça arrancados em um acidente de kart, em Recife, deve ter alta médica neste fim de semana. A informação foi divulgada na noite da quinta-feira (10), em uma coletiva de imprensa realizada pelo Hospital Especializado de Ribeirão Preto, onde a garota está internada desde agosto deste ano.

Leia mais: Jovem escalpelada em acidente de kart passa por 10 horas de cirurgia

A equipe médica, responsável pelo transplante microcirúrgico para o couro cabeludo de Débora Dantas de Oliveira, de 19 anos, falou sobre os procedimentos realizados, a data da alta e as próximas etapas do tratamento. Segundo os médicos, ela deixará o hospital, mas ainda não deve voltar para casa em Recife. Débora deve permanecer em Ribeirão Preto para fazer procedimentos de curativos. 

Rotina no hospital

Apesar dos procedimentos cirurgicos considerados complexos, Débora diz que tentava levar uma rotina relativamente normal no hospital. “Estou estudando bastante”, diz. “Preciso que as pessoas vejam que estou bem. O tratamento está acontecendo de uma forma maravilhosa, tenho recebido diversas mensagens de carinho pela internet. Pessoas chegam no hospital para entregar cartinhas.”

Leia mais: Em vídeo, jovem escalpelada diz voltar a ter sensibilidade na cabeça

A jovem diz ainda que estava caminhando pelo hospital e durante os passeios conhecia pessoas que prestavam homenagem a ela. “Tenho conversado com outros paciente e acabou conhecendo pessoas que passaram por dificuldades ainda maiores.” Débora também relata ter recebido mensagens de brasileiros que vivem em outros países, alemães e até japoneses. “Não sou de mexer muito no celular, mas gosto de responder às pessoas.”

A jovem lembra ainda do momento em que sofreu acidente no kart em Recife. “Na hora pensei que precisava me acalmar para sair bem dessa. Pensei que precisava acreditar em mim”, diz no vídeo.

Procedimentos cirúrgicos

A última cirurgia pela qual Débora passou ocorreu no sábado (24). O procedimento, realizado na cabeça e considerado de alta complexidade, é o terceiro feito no Hospital Especializado de Ribeirão Preto. Débora passou por uma cirurgia de pálpebra na quinta-feira (22). Ela permaneceu, nos dias subsequentes, no Centro de Terapia Intensiva do hospital em recuperação.

Leia mais: “O maior sonho dela é ser médica”, diz noivo de jovem escalpelada

Eduardo Tumajan, noivo da jovem, a acompanha desde que o momento do acidente. A parte da cabeça de Débora foi levada por Eduardo em uma sacola plástica para o hospital. “Estou me tremendo até agora. Durmo chorando, é uma dor inimaginável. Ela quem me dá força. O pessoal acha que eu vou lá dar forças a ela, mas, na verdade, ela quem me dá”, afirmou o noivo.

Um dos médicos que participou da cirurgia é Marco Maricevich, que chegou a Ribeirão Preto, na quinta-feira (22), para integrar a equipe de microcirurgia reconstrutiva. Marco Maricevich, por intermédio do irmão e médico do hospital Pablo Maricevich, acompanhou os primeiros procedimentos por meio de videoconferência no Hospital da Restauração, em Recife.

Fonte: R7.

Veja Mais


Copyright © 2016 Jornal Visão. Todos os Direitos Reservados.



Desenvolvido por:

Logo do Desenvolvedor: Paksi Soluções em Tecnologia